Melhores práticas na conservação de tapetes de segurança


22 de novembro de 2021

Melhores práticas na conservação de tapetes de segurança

Quem trabalha em uma indústria sabe bem que há áreas ou atividades que podem ser perigosas, quando não há cuidado ou quando a proteção não é feita adequadamente. Assim, para evitar acidentes há protocolos que devem ser cuidadosamente seguidos. Um deles é o uso de tapetes de segurança.

Eles são usados para garantir que as máquinas parem de funcionar quando uma pessoa se aproxima. E isso se faz necessário, em diversos casos, para evitar acidentes. Afinal, há maquinários que são muito perigosos e podem até levar uma pessoa a óbito, quando usados incorretamente.

Por isso, se for preciso fazer uma manutenção ou ajuste qualquer, eles devem ser desligados antes. Para isso, é possível fazer o desligamento manual do equipamento. No entanto, para ter a certeza de que o local estará sempre seguro, uma alternativa interessante é o uso do tapete de segurança.

Em suma, ele aciona o desligamento da máquina automaticamente, assim que sente que há a presença de alguém. Veja como funciona e os cuidados para fazer a manutenção do tapete de segurança corretamente.
Onde os tapetes de segurança são usados?

Esse tapete pode ser aplicado em qualquer espaço que tenha uma máquina funcionando e que essa máquina possa colocar em risco a vida ou a integridade dela. É o caso, por exemplo, de:

• áreas e superfícies perigosas de máquinas de processamento de madeira;
• guilhotinas ou puncionadeiras;
• perto de mesas elevadoras de tesoura;
• ao redor de prensas de estampagem, entre outros.

Como funcionam os tapetes de segurança?

Uma vez que sejam corretamente instalados, os tapetes de segurança usam um dispositivo que detecta a presença de pessoas. Isso é possível porque, ao pisar no equipamento de proteção coletiva, o indivíduo gera uma pressão sobre o tapete.

Uma vez que essa pressão é percebida, ele automaticamente interrompe o movimento perigoso da máquina. Para isso, está diretamente conectado a ela.

Mas claro que em um ambiente industrial há inúmeras máquinas que podem ser perigosas, não é? Por isso, para garantir que todas elas parem quando uma pessoa chegar perto, é possível colocar vários tapetes de segurança e interligá-los. Assim, a “mensagem” entre eles é mais rápida e o desligamento das máquinas também torna-se mais ágil.

Para que isso seja possível, há vários tamanhos de tapetes de segurança. Em alguns casos, quando necessário, é possível até solicitar formas especiais para que o local fique coberto e bem protegido.

Conservação dos tapetes de segurança

Tudo começa na hora de instalar os tapetes de segurança. É preciso ter cuidados e atenção, para que o dispositivo realmente funcione. Para isso, é indicado que o procedimento seja feito ṕr um profissional especializado.

Em suma, o ambiente deve estar seco e limpo. Além disso, os cabos precisam ficar bem protegidos Isso evitará danos, garantirá o melhor funcionamento e aumentará a vida útil do equipamento de proteção coletiva.

Os tapetes de segurança não podem ser colados e devem ser posicionados com a chapa de base para baixo. Outro ponto importante é que ele não deve ser curvado nem dobrado. E, ao mesmo tempo, é necessário fazer a ligação elétrica com cuidado.

Para garantir o perfeito funcionamento, é preciso fazer testes funcionais e visuais regularmente Caso haja qualquer dano em sua estrutura, é necessário realizar os ajustes imediatamente, para evitar os riscos.

Quer instalar esse EPC em sua indústria? Para mais informações sobre os tapetes de segurança da Elasta clique aqui.


Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *